• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT, Fetagri e Sindicato, na sessão especial de geração de emprego e renda

A CUT/PA, a Fetagri e o Sindicato dos Bancários, presentes na sessão especial de geração de emprego e renda

Publicado: 16 Julho, 2019 - 12h20 | Última modificação: 16 Julho, 2019 - 12h38

Escrito por: BANCÁRIOS PA

BANCARIOS PA
notice
Mesa Sessão na Alepa, sobre emprego e renda

No Brasil são 13,2 milhões de pessoas desempregadas, no trimestre de fevereiro a abril desse ano, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No Pará, o desemprego atinge cerca de 441 mil pessoas de acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIESSE).

“O desemprego é transversal e se concentra principalmente na Região Metropolitana de Belém onde a rotatividade também é alta. A média de permanência no emprego é de 2 anos. Uma realidade possível de mudar se governo, entidades e a população em geral se unirem e juntos definirem estratégias de como fazer”, explica o diretor-técnico do Dieese, Everson Costa.

Para debater propostas de desenvolvimento de geração de emprego e renda no Pará, o Sindicato dos Bancários do Pará, além de outras entidades e centrais sindicais, a convite do deputado estadual Carlos Bordalo (PT), participaram ontem (11) de uma sessão especial na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa).

“O Banpará vai na contramão dessa difícil e triste realidade do desemprego em nosso país e até mesmo nos outros bancos públicos e privados. Quase toda semana participamos de posse de novos bancários e bancárias no Banco do Estado do Pará que já está quase presente em todo o estado. Nós enquanto entidade representativa da categoria, bem como clientes e usuários, precisamos cobrar das instituições bancárias que elas devolvam os lucros que damos em forma de postos de trabalho para a nossa região”, destaca o presidente do Sindicato e bancário do BB, Gilmar Santos.

A sessão foi um dia após mais um duro ataque à classe trabalhadora com a aprovação, em primeiro turno, do texto-base da proposta de ‘reforma’ da Previdência na Câmara dos Deputados, e por isso, a notícia não pôde deixar de ser lembrada pelos representantes das centrais sindicais.

“A luta não está perdida e nem devemos desistir, não somente dela, mas também de sonhar e de ousar por tudo aquilo que acreditamos e defendemos como o melhor para nós trabalhadores e trabalhadoras desse Brasil”, afirma a presidenta da Central Única dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Pará, Euci Ana da Costa.

Plano Estadual de Emprego e Renda

No início do mês, o governador do Pará, Hélder Barbalho se reuniu, no Palácio dos Despachos, com todos os secretários e dirigentes de instituições governamentais para tratar do desemprego no estado e anunciou a construção de um plano de geração de emprego e renda, a ser formalizada na primeira semana de agosto.

Como o tema é pauta do mandato do deputado Bordalo, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Alepa, a sessão especial, que estava marcada para o próximo mês, foi antecipada. Como encaminhamento será criado um Grupo de Trabalho Permanente e o resultado da sessão especial seguirá ao governador como sugestão da Assembleia Legislativa no plano de geração de empregos.

 

Fonte: Bancários PA com informações da Alepa